5. Desfrutando o resultado da Justificação

Leitura da semana: Romanos 5
Quebra-Gelo: Você se considera salvo? Por quê?

Efeitos da Justificação

Em Romanos 5 o Apóstolo apresenta os efeitos espirituais ou benefícios da justificação pela fé:

PAZ COM DEUS (PASSADO)

O pecado nos separou de Deus e trouxe inimizade entre a humanidade e Seu Criador (Is 59:2). Mas, agora, temos “paz com Deus (Rm 5:1), ou seja, o fim da guerra travada entre nós e Deus pela desobediência. Fomos “reconciliados com Deus mediante a morte do Seu Filho” (Rm 5:10).

ACESSO A DEUS (PRESENTE)

Agora temos acesso à graça de Deus (Rm 5:2). Temos permissão para entrar a qualquer momento na presença do Rei. A partir disso, podemos ter um relacionamento pessoal com Deus.

ESPERANÇA DE GLÓRIA (FUTURO)

Temos alegria na esperança de ser coparticipantes da glória de Deus (Rm 5:2). Leia também Romanos 8:18-25, 30.

Tudo isso foi assegurado em Cristo, levando-nos a sentir alegria mesmo em meio aos sofrimentos, dores, aflições, pressões e “tribulações” (Rm 5:3). Você deve ter ouvido falar da expressão “paciência de Jó”. A palavra “tribulação” no original, hypomoné, por ser traduzida por paciência, resistência. Sem sofrimento não haveria nada para suportar ou resistir. Sem tribulação, não aprenderíamos a ser perseverantes. Resiliência é a propriedade ou capacidade que alguns corpos apresentam de retornar à forma original após terem sido submetidos a uma deformação elástica ou depois de receberem um impacto. Uma pessoa resiliente é alguém capaz de lidar com problemas, adaptar-se a mudanças, superar obstáculos ou resistir à pressão de situações adversas. Podemos ir a Deus com nossas necessidades, lutas e fracassos. Somos conduzidos à “perseverança” (Rm 5:3) que nos concede uma “experiência” (Rm 5:4) aprovada por Deus.

Efeitos da Graça

Imagine-se na história abaixo que ilustra o conceito da graça (dom ou presente imerecido):

Certo dia, um criminoso invade a sua casa, furta alguns de seus bens e sequestra a sua filha de seis anos de idade. Depois de algumas horas, ele entra em contato com você para poder propor-lhe um valor de resgate. Então, desesperado você vende alguns bens (carro, terreno etc.) e completa o valor com empréstimo bancário. Depois de fazer a transferência do dinheiro, você recebe uma carta grampeada em uma sacola plástica preta. Nessa carta, está a informação de que sua filha foi abusada e esquartejada. O que sobrou do corpinho dela está dentro da sacola.

Depois de um mês, você recebe a notícia de que o sequestrador foi preso e será julgado. No dia do julgamento você está lá, presenciando todo o processo. Porém, antes do juiz pronunciar a sentença, faz-lhe uma pergunta: “Pai/mãe, vou conceder a sentença. Mas antes, você tem alguma coisa para falar?”. Então, você declara: “Excelentíssimo sr. juiz, eu perdoo este homem e retiro a acusação contra ele”.

Você acha que esse criminoso merecia o seu perdão? Você o perdoaria com facilidade? Como você se sentiria em vê-lo saindo livre e sem culpa, enquanto a sua filha está morta?

Embora a ilustração acima seja um tanto quanto indigesta, ilustra muito bem a graça que é perfeitamente retratada pela música “Graça” dos Arautos do Rei:

“[…] A graça se explica em uma cruz. Lá eu posso entender o que o Céu me traduz. A morte era a minha sentença. Mas agora sou livre em Jesus. Graça, simples assim. Perdão se recebe, se aceita e fim. Pecado não se explica. Pecado se paga. E Cristo pagou por mim […]”

Paulo, em Romanos 5:12-21, explica a lógica: o primeiro Adão entrou com a transgressão, a desobediência e o pecado. Jesus, o segundo Adão, entrou com a justiça, a obediência e a graça.

PERGUNTAS PARA DISCUSSÃO:

  1. Baseado em Romanos 5, quais os efeitos espirituais da justificação pela fé? Que bênçãos recebemos?
  2. Qual deve ser nossa atitude em face das tribulações? De que forma, o sofrimento ajuda a construir o caráter do seguidor de Cristo? (Rm 5:3-4);
  3. Qual o significado da expressão: “somos salvos pela graça”? O que é graça? (Rm 5:7-21).

CONCLUSÃO: 

“Justificados, pois, mediante a fé, temos paz com Deus por meio do nosso Senhor Jesus Cristo.”

Romanos 5:1; ARA.



Autor da lição: Pr. Gleydson Barbosa




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.